Hoje é sábado, 19 de janeiro de 2019

Publicidade

O Especialista

Final de semana terá pancadas de chuvas intensas e isoladas

Após esta nova onda de calor, o tempo se instabiliza novamente neste final de semana. Hoje o
dia terminou parcialmente nublado a nublado com possibilidade de chuva em áreas isoladas, e com
temperatura elevada, variando entre uma mínima de 20.0ºC e máxima de até 35.0°C no período da
tarde. Na próxima madrugada o tempo se instabiliza com a chegada de uma nova frente fria ( Sistema
de Baixa Pressão ) que terá ainda sua atividade pelo menos até o período da manhã de domingo, dia 25,
com nova queda na temperatura. Para quem se dirigiu ao litoral no feriadão de 15 de Novembro, foi brindado com pelo com 03 dias muito aproveitáveis com sol e água limpa. Os melhores dias foram na quinta-feira ( feriado) e na sexta-feira. Já no sábado, dia 17, o fato negativo foi o da ocorrência de forte vento nordestão que soprou nas praias. As rajadas de vento, com maior intensidade no período da tarde, atingiram os 88,2 km/h em Mostardas, 68,4 km/h em Tramandaí e os 54,0 km/h em Torres. Nesta praia, pelo menos até o meio-dia os banhistas tiveram a presença do sol pleno e água limpa, como ilustra a imagem abaixo feita por Rodrigo Peres.

Conforme o previsto, o feriadão terminou com um domingo chuvoso, chamando a atenção o
elevado acúmulo de precipitação em cidades da Campanha e até aqui próximo da Região Metropolitana.
Rosário do Sul registrou 131.6 mm, São Gabriel 121.8 mm, Alegrete 102.8 mm e Teutônia com 97.8 mm.
Como referido na matéria anterior, confirmou-se mais uma vez o pouco volume de precipitação
ocorrido no Paralelo 30 que passa sobre Porto Alegre e cidades próximas num raio de até 50 km de distância, quando nos encontramos na fase da lua crescente, pois além de ser rápido o acumulado é baixo ou até inexistente. A Estação do Inmet localizada no Jardim Botânico registrou apenas 27.8 mm e aqui em Campo Bom chegou apenas em 26.2 mm. Assim o acumulado do mês continua bem baixo da média mensal normal histórica em 34 anos que é de 133.4 mm e até ontem somava apenas 52.8 mm.
O destaque climático desta semana foi o do frio ocorrido esta semana no Estado e em SC, principalmente entre as madrugadas da segunda-feira até quarta-feira. No dia 19, o frio foi intenso no Sul do estado e nos Campos de Cima da Serra com provável ocorrência de geada. As mínimas foram de apenas 2.8°C em Herval, 3.0°C em Pinheiro Macho e na localidade de Várzea do Cedro em São Francisco de Paula
com 3.3°C e de 3.9°C em São José dos Ausentes. Aqui em Campo Bom fez 13.5°C, mas no amanhecer do dia 20 registrou a menor mínima do mês até agora com apernas 11.4°C.
Com o deslocamento do ar mais frio para SC, ocorreram geadas ao amanhecer dos dias 20 e 21
nas partes mais altas do Planalto Sul Catarinense, com mínimas de 2.3°C no dia 20, e de 2.6°C no dia 21, ambas em Bom Jardim da Serra/Estação F. Kaiser, e em outras cidades da região na média de 3.0°C.

Nilson Wolff entrega três novos livros para a Biblioteca Climática de Campo Bom

Biblioteca Climática de Campo Bom
A Biblioteca Climática de Campo Bom, inaugurada em junho de 2011, localizada no Complexo CEI,
foi enriquecida em seu acervo esta semana, com 08 Livros doados à mesma, por este colunista e idealizador da mesma, que tratam sobre climatologia e meteorologia. Os mesmos foram adquiridos na Feira do Livro de Porto Alegre que encerrou-se no domingo último dia 18. Entre os Livros, destacam-se três: O primeiro ” A fisionomia do Rio Grande do Sul “, o segundo ” Biodiversidade e conservação de áreas úmidas da bacia do Rio dos Sinos ” o terceiro ” Serra Catarinense ” que trata sobre as 04 Estações do Ano na região de São Joaquim.

Manipuladores

O manipulador é uma criatura danosa e difícil de ser identificada. Embora seja totalmente previsível, é necessário uma boa dose de conhecimento para que você se torne imune ou no mínimo identifique sua investida antes de se tornar uma vítima.

Ele pode ser tanto um homem quanto uma mulher. Engana-se quem acha que manipulação e violência faz parte apenas do universo masculino.

Digo que é previsível porque suas atitudes são sempre padronizadas, os caminhos que percorre são semelhantes, mas estar atento aos primeiros sinais de manipulação é fundamental. O maior problema é saber identificar essa linha fina que divide o manipulador de uma pessoa verdadeiramente gentil.

O manipulador é sedutor e possui a calma de um felino. É obstinado e trabalha para atingir objetivos específicos e muito bem definidos. Não importa quanto tempo leve na empreitada, não perde o foco. É envolvente, atencioso e parece uma pessoa do bem, mas não está nem aí com a dor que causará no outro.

Utiliza todos os artifícios possíveis na conquista como a bajulação, a chantagem emocional ou a ostentação, e se for preciso, num estágio mais avançado do processo,  vai utilizar até mesmo a violência física, desde que seus objetivos sejam satisfeitos.

São egoístas inveterados e só olham para o próprio umbigo. E não se cansam enquanto não atingirem o objetivo desejado. A conquista é a tão desejada massagem no ego.

No início, o manipulador parece uma pessoa muito interessada no seu bem estar. Tudo parece girar em torno de você. Ele atende todas as suas necessidades e por isso a dificuldade em resisti-lo, afinal quem não gosta de um dengo?

Assim devagar eles vão ganhando a sua confiança e a sua atenção.

Uma das formas mais fáceis de identificar um manipulador é que ele monopoliza sua vítima.

Um namorado manipulador por exemplo, vai procurar de forma sutil, afastar você de seus amigos e familiares. As festas, os jantares, os encontros sempre serão com os amigos dele, com a família dele, na casa dele. Tudo o que se referir aos seus amigos ou familiares, ele colocará em segundo plano e vai convencer você que para o relacionamento dar certo, você precisa ser inserido ao máximo no universo dele. E você não percebe que isso será muito bem utilizado no futuro contra você.

Agora, se você não cair nas garras do manipulador, prepare-se pois você se tornará seu inimigo mortal.

Ele passará a atacar as pessoas à sua volta na intenção de fazê-las voltarem-se contra você. Vai denegrir sua imagem, mostrando o quanto você é cruel e ele a vítima, injustiçado, incompreendido. E pode apostar, muitos acreditarão, pois ele é ótimo ator. É capaz de tirar seus oponentes do sério, mantendo uma incrível calma. E como é do conhecimento popular que “quem perde o controle é o errado”, o manipulador sai como vítima.

Evitar um manipulador nunca será 100% possível, mas quanto mais atento você estiver, maior chance de identifica-lo. E se não quiser problemas, fique bem longe.

Rosa Silva

Terapeuta TFT

rosasilva@vidaplenatododia.com.br

Feriadão começou com tempo bom mas terminará instável

Após uma quarta-feira com tempo encoberto e muito abafado com ocorrência de pancadas de chuva em algumas cidades do Vale dos Sinos, ontem , o primeiro dia do Feriadão de 15 de Novembro, amanheceu com tempo muito bom e temperatura agradável. A mínima ao amanhecer foi de 15.1°C e as 10h da manhã já registrava 25.7°C, céu limpo e umidade em 45% como ilustra uma das imagens da coluna. Hoje o tempo continuou bom, mas amanhã, sábado, teremos o retorno da instabilidade, a partir do final da tarde e se estende até ao meio-dia de domingo, conforme previsões do 8° Disme divulgadas ontem.
Chamou a atenção, o frio ao amanhecer, ontem na localidade de Várzea do Cedro em São Francisco de Paula, com mínima de apenas 5.3°C, mas que as 10h já registrava 20.8°C com 59% de umidade relativa do ar.
O volume de precipitação mais uma vez, deverá ser baixo, pois como já citado em matérias anteriores,
quando nos encontramos na fase da lua crescente, no Paralelo 30 que passa sobre Porto Alegre e que tem efeitos também em cidades próximas, não costuma chover nestas regiões quando nos encontramos nesta fase da lua. Assim foi no dia 14, quarta-feira, quando uma frente fria causou apenas 19.0 mm em P. Alegre na Estação do Jardim Botânico ( 8º DISME ), e aqui em Campo Bom pelo mesmo motivo apenas 9.8 mm. Neste dia a Lua estava com apenas 50% da sua luminosidade, e a nova fase, Lua Cheia acontecerá apenas no próximo dia 23.

Feriado de 15 de Novembro foi de tempo aberto em Campo Bom (Foto: Nilson Wolff)

Por outro lado, em cidades da Campanha e Extremo Oeste do Estado, que se encontram em outros Paralelos, os acumulados foram bem mais significativos, se aproximando dos 100 mm como em Uruguaiana e Quaraí, no mesmo evento climatológico. Com o deslocamento do sistema de oeste para leste e norte do Estado, na medida que se aproximava do Paralelo 30, o impacto da linha de instabilidade ia diminuindo de intensidade.
A outra imagem da matéria , mostra a bela ondulação de nuvens ocorrida na manhã do dia 13 na cidade de Cacequi, quando da chegada da frente fria em foto de Fábio Maciel no Site da Metsul Meteorologia.
O destaque climático nestes últimos dias, foi o da forte ” onda de calor ” que ocorreu entre os dias 09 à 14 de novembro, quando as máximas variavam entre os 33.2°C e os 35.6°C ocorridos no dia 13 aqui em Campo Bom, quando tivemos a temperatura máxima do Estado entre as Estações do INMET.

Onda de instabilidades tem passado pela região Oeste do estado com chuva que chega a quase 100mm de acumulado (Foto: Fábio Maciel/Metsul)

A previsão inicial era de que as máximas no início desta semana, poderiam se aproximar dos 40.0°C, mas felizmente o mesmo não ocorreu, impedido principalmente pela presença da nebulosidade com nuvens altas nos últimos dias desta onda de calor. Mesmo assim a sensação térmica era de um grande desconforto devido a umidade relativa que estava alta nestes dias, aumentando a sensação do calor.
Numa previsão a longo prazo, na tendência atual, não deverá ocorrer uma nova onda de calor prolongada neste mês, pois os dias mais quentes deverão se resumir entre um dia e no máximo três dias, e ainda assim com temperaturas não tão elevadas como no início desta semana. Na mesma tendência atual, a última semana de novembro deverá registrar dias com máximas agradáveis no máximo nos 29°C e com mínimas na média de 11°C ( friosinho de primavera).
O destaque climático negativo do mês, está sendo o do baixo acúmulo de precipitação até agora, pois até
ontem somava apenas 26.6 mm, e a tendência mostra que este ano o total de novembro deverá ficar bem abaixo da média normal histórica que é de 133.4 mm em 34 anos.

Publicidade

2017 - Tudo Online em Campo Bom