Hoje é sábado, 19 de janeiro de 2019

Publicidade

O Especialista

Do frio polar ao calor extremo em 72h

Os Estados do Sul, experimentaram o frio polar com temperaturas negativas no amanhecer do dia 08, sábado, para um calor extremo na última terça-feira dia 11. Como já postamos na coluna anterior, esta onda de frio não ocorria desde o ano de 2010. Campo Bom amanheceu no dia 08, com mínima de apenas 10.4°C, ou seja, muito frio pra esta época do ano. Já tinha feito 10.5°C ao amanhecer do dia 04. Estas mínimas, só não bateram o recorde de frio em 34 anos de dados no Município, com 8.2°C ocorrido no dia 14 de dezembro de 2010, que até hoje está sendo a única mínima de apenas em dígito 1984.

Este frio fora de época, fez com que a temperatura média nos primeiros 08 dias do mês ficasse em 20.1°C, quando a média mensal normal é de 23.9°C. O frio foi forte também no dia 09, domingo, com mínima de 11.9°C mas como o ar estava muito seco, a máxima pulou até os 32.4°C, no período da tarde, com amplitude térmica em 20.5°C, fazendo com que o desvio da média do mês subisse aos 20.4°C, mas ainda com desvio em 3.5°C.

Conforme dados da Metsul Meteorologia, as mínimas mais baixas no dia 08 no Estado, foram de -1.2°C em São José dos Ausentes, Bom Jesus com 0.8°C, Vacaria e Herval com 2.0°C, Pinheiro Machado com 2.4°C, São F. de Paula com 3.1°C, Canela com 3.3°C e em Cambará do Sul com 3.8°C. No dia anterior a mínima já tinha sido de apenas 2.9°C em Pinheiro Machado no sul do Estado. Uma das imagens do texto, ilustra a geada ocorrida no amanhecer do último sábado, dia 08, registrada por este colunista, com mínima de apenas 3.1°C.

De acordo com dados do Instituto Climaterra, em SC em apenas 04 dias, a mínima de -2.1 em Urupema (Estação Epagri) , -3.0°C em São Joaquim, em Estação particular Pomar/Enio Okamoto e na Estação Climaterra com 0.8°C ( a menor em 47 anos ),ocorrida no dia 08 , a máxima subiu para 42.2°C no dia 12, com 42.2°C em Blumenau/Estação da Furb e só perde para 43.0°C em janeiro de 1931.

Após a onda de frio fora de época no Estado, 72 horas após as temperaturas negativas do dia 08, foram substituídas por temperaturas muito elevadas, com esta onda de calor iniciada a partir da tarde do domingo dia 09 com ápice na tarde da terça-feira dia 11, quando Campo Bom registrou a máxima do ano até agora com 39.3°C e a máxima do Estado entre as Estações do INMET. A outra imagem do texto ilustra este forte calor, com os termômetros digitais ao sol marcando até 43.0°C.

Conforme dados da Metsul Meteorologia, na estação localizada no Bairro Estância Velha em Canoas, a máxima neste dia chegou 40.7°C. Estamos entrando hoje, no quinto dia desta onda de calor, que deverá ser quebrada apenas na quinta-feira próxima, quando a máxima deverá ficar abaixo dos 30.0°C. O que está chamando a atenção, é as mínimas elevadas desde o dia 12 que estão sempre bem acima dos 20.0°C, após uma média de apenas 13.9°C nos primeiros nove dias do mês.

A temperatura mínima no dia 12 foi de 24.3°C, a mais elevada do ano até agora, superando os 23.5°C do dia 15 de janeiro. Ontem tivemos outro dia escaldante, com mínima de 22.1°C e as 15h já fazia 34.1°C na cidade. A máxima hoje deverá se aproximou dos 38.0°C, nos próximos dias sempre existe possibilidade de pancadas de chuva nos finais da tarde, mas o calor não cederá e deverá prolongar esta onda de calor, o que é normal para esta época do ano. O anormal eram as temperaturas baixas que ocorreram num dos meses mais quentes do ano, principalmente pela sua continuidade em nove dias seguidos.

E agora?

Chegamos em Dezembro. E agora?
Novamente olhamos para trás e pensamos que o ano passou rápido demais.
É hora de fazer o famoso balanço e rever as conquistas e derrotas. Pensar em todas as alegrias, determinações alcançadas e também em todo o tempo desperdiçado. O projeto que deu certo, a promoção alcançada, mas também rever aquele projeto que você adiou, aquela matéria que não estudou o suficiente.
Dezembro é a hora de elaborar planos para o novo ano.
Há os mais otimistas que dizem que 2019 será um ano diferente, que agora finalmente fará aquela dieta, aquele curso, a sonhada reforma da casa, acabar com as dívidas, cumprir a promessa esquecida durante todo 2018.
Por outro lado há os pessimistas que olham para o novo ano e dizem que será tudo igual, nada mudará, que já possuem bastante promessas acumuladas de anos anteriores, e não farão novas.
E você, em que grupo está?
Há uma história muito interessante de um milionário que queria contratar um motorista. Para os três candidatos que apareceram o homem fez a mesma pergunta. Se ele precisasse passar por um precipício, como fariam?
O primeiro candidato disse que não havia problemas. Poderia passar até meio metro de distância do precipício sem perigo. O segundo respondeu que era um motorista mais experiente e que poderia passar até dez centímetros sem preocupação. O terceiro disse que os outros poderiam passar bem perto, mas ele, com certeza passaria o mais longe possível.
Gostaria que você pensasse a quantos centímetros você tem passado do precipício? Nesse ano de 2018 quantas vezes você viveu no limite? No limite da raiva, da dúvida, da mágoa, da inimizade. Quanto você arriscou cair no precipício com dívidas financeiras que sequer precisava fazer. Quantos pensamentos ruim você acariciou?
O Novo Ano chega não apenas para mudarmos o calendário, mas para mudarmos a vida.
Aprenda a viver longe do precipício. Faça novos propósitos e determine-se a cumpri-los. Aproveite essa nova chance de fazer certo. Faça aquele curso que sempre quis. Deixe de gastar com bobagens e economize para fazer aquela viagem desejada. Dê mais abraços, dê mais beijos, dê mais amor principalmente para si mesmo e assim você verá que muitas pessoas vão se achegar.
Aproveite o novo ano para mudar alguma coisa dentro de você. Não queira mudar tudo de uma só vez. Mudanças radicais raramente darão certo. Mude uma coisa de cada vez e quando 2019 chegar, você poderá olhar para trás e se orgulhar da vida que conquistou.
E agora? Agora a vida continua em suas mãos. O que você fará com ela? Só depende de você.
Um beijo enorme.

Rosa Silva
Terapeuta em TFT
rosasilva@vidaplenatododia.com.br

Campo Bom registra recorde de frio em Dezembro nos últimos oito anos

Campo Bom e o Vale dos Sinos registraram esta semana o recorde de frio dos últimos 08 anos para um mês de dezembro, com mínima de apenas 10.5°C no amanhecer do dia 04 ( terça-feira ). Neste dia tivemos um belo dia de sol pleno, céu azul , propiciando belas imagens como ilustra uma das imagens da coluna.

 

Em 34 anos, a menor temperatura ocorreu no dia 14 de dezembro de 2010, com 8.2°C, a única até hoje com apenas de um dígito no último mês do ano no município. Sem dúvida, o destaque climático da semana é a sequência de dias muito agradáveis e com frio nas primeiras horas da manhã. Inclusive hoje, quando tivemos o ingresso de reforço de frio com a entrada de uma nova massa de ar polar no Sul do Brasil, as temperaturas mínimas continuarão bastante baixas para esta época do ano.

Tivemos sensação térmica de frio nas primeiras horas da manhã com apenas 12.0°C e a tarde não ultrapassou os 24.0°C, assemelhando-se ao dia 02, domingo, quando iniciou a onda de frio em que a temperatura variou na cidade entre os 16.7°C e 23.7°C no período da tarde. Aqui próximo, em Canela, teve todas as características de um dia de inverno, com chuva em vários momentos, registrando 10.4°C ao amanhecer e chegando apenas aos 16.3°C no meio da tarde. As 13h só fazia 12.3°C na cidade.

Até ontem, o desvio na média das temperaturas mínimas estava em 3.5°C ( normal em 34 anos é 18.2°C e está em 14.7°C), e nas máximas o desvio está em 3.9°C, pois o normal é 31.4°C e apresentava apenas 27.5°C. Como o frio deverá continuar até o domingo, o desvio deverá ser ainda mais significativo.

Associado ao frio, outro destaque climático é o da ocorrência de geadas fora de época no RS e SC. Aqui no estado, elas aconteceram ao amanhecer do dia 03 ( segunda-feira ) na localidade de Várzea do Cedro em São Francisco de Paula com mínima de apenas 1.1°C, em Herval no Sul do Estado com 2.6°C e em São José dos Ausentes com 2.9°C. Neste dia em SC as geadas mais significativas ocorreram em Urupema com 1.2°C, Urubici com 1.9°C e em São Joaquim com 2.5°C, conforme dados do Instituto Climaterra.

No dia 04, terça-feira, repetiu-se o fenômeno em Vacaria e Soledade com mínima de 3.5°C e na região do Castelinho em Canela com 3.9°C. Como sempre, mais frio em SC, e com geadas em Painel com 1.3°C, São Joaquim com 1.4°C, Urupema com 1.7°C e em Bom Jardim da Serra com 1.9°C. O frio diminuiu no dia 05 ( quarta-feira) no RS, com a mínima mais baixa em Pinheiro Machado com 4.8°C, mas em SC, nova ocorrência de geadas, com mínimas de 2.2°C em Urupema e Painel e 2.3°C em São Joaquim e Bom Jardim da Serra, de acordo dados do Climaterra.

Ontem, dia 06, ocorreu a quarta geada seguida em SC, no topo da Serra, na localidade de Santo Antão, pouco mais de 3km do centro de São Joaquim, conforme ilustra a imagem abaixo, de autoria de Mycchel Legnaghi com mínima de apenas 2.7°C. Poderá chegar à sete 07 geadas seguidas considerando o reforço de frio a partir de hoje contra 05 em dezembro do ano passado, informa o Instituto Climaterra. Em Urupema e Urubici, ontem fez 3.8°C.

Este reforço de ar frio chega hoje ao Estado e vai até domingo, vem da Argentina, onde nevou na quarta-feira dia 04, em pleno mês de dezembro, em Las Leñas conforme dados da MetSul Meteorologia.

Curiosidades do frio em Dezembro:

  • Em 34 anos de dados oficiais das temperaturas em Campo Bom, apenas em 05 anos a temperatura se manteve abaixo dos 20.0°C durante todo o período em um dia de dezembro que foram os seguintes: 1984 (dia 17); 1990 (dia 28); 1999 (dia 06); 2008 (dia 03) e em 2011 (dia 24).
  • O ano de 1984 registrou o mês de dezembro mais ameno, com média mensal de 21.4°C sendo que a normal histórica é de 23.9°C.
  • Também em 1984, foi o dezembro que registrou o maior número de dias ( 14 ) em que as 24h TMG (22h no horário de verão), apresentava temperatura abaixo de 15.0°C, sendo a menor até hoje com 11.4°C na noite do dia 23.
  • Nesta situação o dezembro de 2003 registrou 10 (dez) noites.
  • Também em dezembro de 1984 foram registrados apenas 09 (nove) dias em que a máxima foi igual ou superior aos 30.0°C.
  • Na tendência atual, modelos meteorológicos estão indicando que a partir da segunda-feira retorna o forte calor que é o normal para esta época do ano.

Publicidade

2017 - Tudo Online em Campo Bom