Hoje é sexta-feira, 24 de maio de 2019

Publicidade

O Especialista

O Inverno está chegando..

A temperatura que tem se mantido estável e amena até agora neste outono, promete despencar no Sul do Brasil na próxima semana, com o ingresso da primeira massa de ar polar de forte intensidade, lembrando que é extremamente normal para esta época do ano. As madrugadas da próxima sexta-feira dia 24 e sábado dia 25, irão registrar as primeiras mínimas de um dígito para este ano em Campo Bom, podendo as mínimas atingirem até 5°C e a primeira geada do ano.
Até ontem a menor temperatura este ano foi de 12°C e ocorreu no dia 30 de Abril, e, este mês apenas de 13.2°C no dia 08. Para hoje estava prevista uma temperatura mínima de 11.0°C e que irá superar as menores já citadas. No ano passado, a primeira mínima de apenas um dígito, ocorreu no dia 17 de maio com 8.3°C e a primeira geada do ano no dia 24 com mínima de 3.8°C a menor do mês.
Caso se confirmem esta tendência de frio para a próxima semana, as datas previstas irão coincidir com o mesmo período de 2018, ou seja na segunda quinzena de Maio. Um dos destaques climáticos desta semana, é que na terça-feira dia 14, registramos a primeira temperatura máxima do dia que ficou abaixo.
dos 20°C, que ficou raspando com os 19.9°C registrados em um dia que predominou a nebulosidade e umidade na cidade, com algumas aberturas do sol. No ano passado a primeira máxima neste patamar ocorreu no dia 18 com 16.2°C. A imagem abaixo ilustra como se caracterizou o dia na cidade.


A longo prazo como não está previsto mais nenhum dia com calor e temperatura elevada neste mês, já podemos afirmar que não teremos o ” Veranico de Maio ” neste ano, lembrando que tivemos um dia apenas com calor e foi de 31.1°C no dias 03.  A temperatura média do mês que tem ficado até 4.8°C acima da normal histórica em 34 anos até o dia 08, esta diferença caiu para 3.8°C até ontem dia 16 com a média do mês caindo para 20°C quando o normal é de 16.2°C. Com o frio previsto para a próxima semana, a temperatura média deverá se aproximar dentro da normal histórica ou poucos décimos acima, neste mês que antecede o início do inverno astronômico.
Outro destaque climático desta semana, foi o da ocorrência do terceiro dia do mês com ocorrência do nevoeiro e o décimo primeiro dia do ano cuja outra imagem abaixo ilustra o fenômeno, que prejudica a visibilidade e o trânsito na cidade, que ontem foi de forte intensidade com recolhimento de 0.2 mm.
Até ontem, o total da precipitação em Maio atingiu 94.8 mm o que corresponde a 81,2% da média mensal normal histórica que é de 116.7 mm.


Os Institutos CPTEC/INPE/INMET e FUNCEME lançaram a Previsão Climática Sazonal para o período Maio/Junho/Julho de 2019 no dia 30 de Abril. Através dos modelos de previsão climática analisados, indicam a continuidade da manifestação do atual fenômeno El Niño, e em relação à intensidade, os parâmetros analisados sugerem a continuidade do atual fenômeno com intensidade fraca. Essa previsão indica maior probabilidade de chuvas na categoria acima da faixa normal climatológica no RS e SC. Em relação a temperatura do ar próximo da superfície, as previsões indicam maior probabilidade de ocorrência de valores entre as faixas normal à acima da normal climatológica para todo país.
Na coluna da semana passada reportamos sobre a previsão da instabilidade e a influência da fase da Lua Crescente que inibe a ocorrência de chuva em cidades localizadas no Paralelo 30 e cidades próximas. como Campo Bom em relação à Porto Alegre e em Tramandaí. Entre o dia 11 ( início da lua Crescente e que termina hoje dia 17), o acumulado da precipitação até ontem em Porto Alegre, foi de apenas de 10.0 mm e em Campo Bom 11.4 mm.
Apenas em Tramandaí o volume foi maior com 63.0 mm, cuja localidade neste mês não confirmou a tese deste colunista. Na climatologia e Meteorologia não existem conclusões e projeções de 100% de acerto, apenas uma tendência. No mesmo período, no Médio Uruguai e Noroeste do Estado as precipitações ficaram entre 100 e 150 mm, bem acima das quantidades registradas no paralelo 30.

Pensamento x Paradigma

Você já parou pra observar seus pensamentos? Vale observar que a maioria de nós nunca parou para ouvir as mensagens que nossos pensamentos produzem.

Muito interessante que a maioria de nós tem pouco ou nenhum conhecimento sobre essas mensagens que o tempo todo guiam nossas vidas.

Pensamentos são na verdade impulsos elétricos gerados no nosso cérebro.  Existem 11 milhões de quilowatts/hora por peso de energia potencial armazenadas nos elétrons dos átomos do nosso corpo. Somos na verdade, um gigantesco gerador de energia.

Somos um mega computador que possui um programa especial que se chama paradigma. Essa palavra muitas vezes difícil de entender por muitos, quero colocar da forma mais fácil possível.

Paradigma seria como o programa desse computador, que faz com que a máquina funcione. Cada vez que você faz uma atualização no programa do seu computador, alguma coisa vai mudar no funcionamento da máquina. Quando você muda o seu paradigma, algumas coisas na sua vida também vão mudar.

Como seria, no nosso caso, a implantação desse programa? Quando ouvimos uma ideia e ela é repetida e repetida, ela vai se instalando em nosso pensamento, e esse pensamento vai modificando nossa forma de agir e sentir.

Os sentimentos mudam nossa frequência, essa frequência muda nossos sentimentos, e nossos sentimentos mudam nossa performance.

Pare agora e pense nas coisas que você ouviu sobre dinheiro quando era criança. O que você ouviu é o que você vive. Se você ouviu que não podia ter as coisas, hoje muito provavelmente você tem dificuldades em gerenciar seus ganhos.

E como fazemos a mudança de paradigma? Só existem duas formas de fazer isso. Ou pela repetição de ideias ou por uma experiência emocional impactante e trágica.

O grande problema é que brigamos conosco tentando combater a realidade existente. Isso nunca vai mudar nada! Aprenda que para mudar as coisas, você precisa construir algo novo, um novo modelo que torne o modelo atual obsoleto.

Podemos sentar e reescrever nosso resultado.

Mas para isso é preciso aprender a reescrever nossa história.

Precisamos observar aquela vozinha que fica nos sabotando e ficar muito atentos ao que essa voz nos fala.

Se você quer mudar sua vida por fora, precisa começar essa mudança por dentro.

Então, cuidado como o que você ouve, vê e lê, porque são essas informações que guiam sua vida.

 

Rosa Silva

Terapeuta em TFT e Palestrante

rosasilva@vidaplenatododia.com

Hora de falar de mãe

Chegamos a mais um mês de maio e com ele o dia das mães.

Os filhos correm às lojas, alguns de última hora para comprar, nem que seja uma lembrancinha. Nas escolas temos inúmeras peças teatrais dos mais diversos gêneros; desde o cômico ao trágico para representar aquela mulher que sempre está supostamente preparada para nos socorrer.

Há mães de todas as espécies. Existem aquelas super modernas, executivas, mais que na moda e descoladas. Existem as tradicionais. As donas de casa por profissão. Amam cuidar de todos e deixar absolutamente tudo em ordem. Existem mães mega protetoras, existem aquelas que empurram a gente do ninho. As atletas e as sedentárias, as magérrima e as cheinha, as altas e baixinhas. Mães advogadas, médicas, enfermeiras, professoras, senadora, deputadas e até astronautas. Mães pra todos os gostos. Mães biológicas e aquelas que são mães de coração.

Uma coisa que todos nós deveríamos saber é que antes de ser mãe, essa mulher é um ser humano. Ela chora, ri, tem raiva, às vezes quer comer o filho vivo! Às vezes ela é um anjo e em algumas vezes é má, muito má! Ao menos é assim que quando somos crianças, vemos. Não nos deixou brincar com os amigos, então ela é má. E fazemos cara de choro.  A mãe tem muita energia, difícil até de compreender, mas também se cansa.

Quantas vezes vejo filhos que esquecem disso e falam como se aquele ser não tivesse coração ou sentimento. Mas mãe é gente!

E mesmo que você pense que sua mãe não foi quem você queria que fosse, mesmo que você a veja como uma mulher ultrapassada ou pense que ela não deu o carinho que você gostaria de receber, lembre-se que acima de tudo, ela lhe deu aquilo que de mais importante você tem; ela lhe deu a vida.

Embora tenhamos um dia especial para lembrarmos de todas as mães, elas deveriam ser lembradas o ano inteiro como alguém especial, e tratadas de forma diferenciada sempre.

Beijos e abraços, carinho e palavras gentis deveriam permear o dia a dia de toda mãe.

Faça desse 12 de maio um dia memorável para sua mãe, mas lembre-se que nos dias que se seguirem, ela continuará sendo mãe e merecendo todo o seu carinho e atenção.

E se, infelizmente sua mãe já tiver partido, eleve uma prece a Deus e agradeça por ter tido sua primeira morada no ventre dessa mulher que deu a você as condições necessárias para existir.

Feliz dia das mães.

Para as mães de filhos feitos por elas e para mães de filhos feitos para elas.

 

Rosa Silva

Terapeuta em TFT e Palestrante

vidaplenatododia.com.br

Publicidade

2017 - Tudo Online em Campo Bom